Trincheiras

Lembram em 2018 quando Lula foi preso sem provas num esquema que envolvia a “joint venture” entre a mídia e uma parcela fascista do judiciário? Lembram do que a esquerda dizia? “Lula está sendo preso sem provas, apenas pelas convicções sem base dos promotores alucinados. Não há crime!! Não há provas!!”

Hoje as mesmas pessoas que defenderam Lula parecem não mais se lembrar da destruição que Lula passou pelas redes sociais, o julgamento falso a que foi submetido e o martírio de ficar mais de 500 dias preso sendo inocente. Lula foi encarcerado pelo que era, e não por algo que fez. Nunca encontraram provas contra Lula, e várias provas de sua inocência foram se somando ao processo. Não obstante, o massacre midiático não será facilmente curado numa cultura dividida.

Se a esquerda não assumir como princípio essencial a defesa do Estado Democrático de Direito e do devido processo legal não haverá porque continuar existindo. Sem essa estrutura basilar da civilidade seremos apenas selvagens com smartphones.

Meu pai me repetia um antigo provérbio chinês que dizia: “Só podes me fazer mal se me fizeres mau”.

Dizia ele: “Sem que o teu mal me contamine sou imune. Se minha alma se mantiver firme nenhum ataque me atingirá”. A virtude é algo que se gesta no âmago de nossa alma, e só nós temos o poder de perdê-la; ninguém a tira de nos sem nossa permissão.

O que me entristece no lado de cá das trincheiras é ver o discurso autoritário e antidemocrático gritado lá do outro lado fazendo eco nas palavras dos meus irmãos. Se eles queriam o nosso mal, sabem que só terão sucesso nos tornando maus.

Deixe um comentário

Arquivado em Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s