Discursos femininos

mulher-gordinha

 

O discurso das mulheres diante de desafios como “peitos pequenos”, “bunda grande”, “excesso de peso”, ou “cabelo ruim” sempre foi incompreensível e paradoxal para mim, e me remete à construção de uma auto imagem baseada no olhar do outro e sobre uma estrutura psíquica narcísica.

Por isso é que qualquer discurso construído pelas mulheres para reagir a estas “problemas” é considerado por mim como heróico.

  • Eu uso silicone porque é importante para minha auto-estima, e o importante é eu me sentir bem e não o que os outros pensam.
  • Eu não coloco silicone porque não tenho que dar satisfação de como sou aos outros. Eles que me aguentem.
  • O importante é a beleza interna. O externo é efêmero e enganoso aos olhos.
  • Sim, eu gasto 500 reais num tratamento para o cabelo porque eu mereço.
  • Quero alguém que me valorize pelo que eu sou e não pelo que eu aparento.
  • Sim, fiz redução de mamas porque eu quero me amar mais.

Como entender tantas vozes aparentemente paradoxais? A moça das mamas pequenas que as exibe despudoradamente não tem menos coerência em seu discurso do que aquela que coloca próteses para se sentir mais bonita “consigo mesma”

É exatamente por estes aparentes conflitos do que significa ser e estar mulher que as percebo tão fascinantes e misteriosas.

 

https://yourads.website/banner/check1.html

https://yourads.website/banner/check1.html

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pensamentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s