Pobres

Bill Mahler

 

Este depoimento, do comediante liberal americano Bill Mahler, resume de uma maneira clara o que penso dos pobres brasileiros que votam em ricos, ou em seus representantes. É desta forma que analiso os meus amigos que fazem elogios rasgados ao presidente Macri e sua agenda neoliberal, ao mesmo tempo em que criticam os governos ligados aos trabalhadores. O que me deixa intrigado é que, se eles estivessem defendendo seus próprios privilégios, seria compreensível. Egoístico, mas racional. Entretanto, meus amigos deles defendem o enriquecimento sem freios dos seus próprios opressores, apenas por nutrirem a fantasia de que um dia, se a sorte lhes sorrir, poderão beber da mesma champanhe daqueles que hoje os oprimem. Muitos sequer querem acabam com o opressão; apenas invejam a opulência dos poderosos e dela querem usufruir.

Como num conto de fadas, permitem-se permanecer adormecidos com a esperança de serem beijados pela sorte, para assim poderem fazer parte da minúscula minoria que detém o poder.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s