Não pude evitar

 

Esse livro é sobre um assassino que estuprava e matava a facadas senhoras idosas em várias cidades da America do Sul. “As véias abertas…” é um libelo em prol da pena de morte e em favor das medicações que controlam os sintomas da menopausa. Henriqueta, a protagonista, sofria de fogachos terríveis e que limitavam suas atividades quando consultou Dr. Mendoza Estibarriga, renomado ginecologista de Santa Cruz de la Sierra. Todavia, jamais poderia imaginar que ao encontrá-lo encararia a morte de frente, pois ele era nada mais que a outra personalidade do famoso “estripador galante”, que deixava velhas senhoras com ventres abertos enquanto escutava música andina e tocava maracas. Um clássico de terror, suspense e folclore boliviano.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pensamentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s